O Nordeste é terra de artistas icônicos da música popular brasileira e com muita riqueza cultural. E é de lá que vem o duo Hottest, que quer provar que a nova geração não só gosta de ouvir música eletrônica, como também produz em alto nível. Depois de entrar no circuito que engloba também os estados de Alagoas, Pernambuco e Rio Grande do Norte, é a vez da dupla formada por Evandro Ataíde e Rafael Dias colocarem de vez toda a região no mapa da e-music com a criação da sua própria gravadora, a Hot Line Records, que faz sua estreia esta semana com o single “This Is Oh”, parceria de Gaba Kamer e FeelGood

Quente como o chão de uma região que transborda musicalidade, a Hot Line Records surge com uma forte proposta de integração da cena. “A ideia é fazer uma via de mão dupla, lançando grandes artistas nordestinos para o país inteiro conhecer, mas também trazendo nomes nacionais para o público crescente da região”, explica Ataíde, ressaltando que o mercado da música eletrônica está aquecido no Nordeste, com um número cada vez maior de festivais e eventos, sendo também um dos principais destinos de festas de fim de ano por conta do clima sempre acolhedor e paradisíaco.

A criação da nova gravadora é um passo certeiro e longamente maturado pela dupla, que crava a bandeira da música eletrônica no Nordeste. “Essa é a consolidação não só do nosso projeto como Hottest, mas também da cena eletrônica na região. Após um período de imersão na House Mag Academy em Florianópolis e sob a mentoria de Gaba Kamer e FeelGood, dois artistas de renome e com vasto conhecimento sobre o music business, conseguimos dar andamento ao projeto com mais confiança de tirar do papel”, conta Rafael.

E são justamente os dois mentores deste novo projeto do duo que assinam o primeiro lançamento da Hot Line. Gaba Kamer e FeelGood se uniram no single “This Is Oh”, que abre os trabalhos da label. “Os próximos releases serão assinados por Pirate Snake (19/02) e Hippocoon (09/04). E quem quiser fazer parte dessa história pode enviar sua demo para o e-mail demoshotline@gmail.com”, completa Rafael.

Pensada para representar suas origens, a identidade visual da Hot Line Records também ajudará nesse trabalho de integração. Trabalhando sempre com cores quentes, as artes remeterão às belezas e pontos turísticos famosos da região Nordeste. E fazendo juz ao propósito da gravadora, a dupla já deixa as portas abertas para novos talentos que se identificam com o projeto enviarem suas demos. “Queremos quebrar barreiras em nome da música eletrônica e consolidar o trabalho de artistas nordestinos em todo o Brasil”, crava Ataíde.

Sobre o Hottest

Pelo ideal de propagar a música eletrônica, Rafael e Ataíde formaram o projeto Hottest e logo já conquistaram seu público cativo com um som que transita em vertentes mais dançantes da house music, como o tech house, mas trazendo muitos elementos do progressive house e do underground. Em menos de um ano de projeto, a dupla já passou por pistas como Soul Summer (PB),  One Pipa (RN), Reveillon Sunrise Patacho (AL), Milagres do Toque (AL), XIS Experience (PE), Ágora Pipa (RN), Pipa Boat Party (RN), Empório Café (PB),  Sunset Marinas (RN), Celebrate (PB) e Kozmo (RN). “Sempre fomos apaixonados pela energia da música eletrônica. De poder estar no palco levando alegria e fazendo diferença na vida das pessoas, mesmo que seja através de uma música, é o que nos motiva”, revela Ataíde.

E mesmo na pandemia o duo não ficou parado. Além de conseguir utilizar o tempo longe dos palcos para aprimorar a carreira com um período de imersão e muito aprendizado na House Mag Academy, o Hottest também impressionou com o projeto audiovisual Burning Flames, que na sua segunda edição apresenta imagens de tirar o fôlego gravadas no Espaço Imbituba, em Campina Grande (PB), e mostram um pouco do potencial da dupla (assista aqui). No portfólio, os paraibanos carregam lançamentos por labels como Muzenga, Tripp Records (Hungria) e House Mag Play, além de um release agendado para 2021 na Loulou Records, uma das principais gravadoras do mundo.

Esbanjando simpatia, humildade e dedicação em tudo que fazem, o duo se qualifica como um dos principais projetos eletrônicos da região e já podem alçar vôos mais altos, levando a paixão pela música eletrônica e trazendo de volta toda a musicalidade e pluralidade cultural que o Nordeste tem.

 

Deixe um comentário

CAPTCHA
Change the CAPTCHA codeSpeak the CAPTCHA code
 

Free website traffic