Comfort Club

Notícias

DJ May Seven está pronta para invadir o festival de Parintins com música eletrônica

Spread the love

Prova viva de que o Norte do país também gera música eletrônica de qualidade, May Seven é a DJ e produtora que vem do Amazonas para conquistar o mundo. Ela ainda será uma das responsáveis por levar a e-music para um dos festivais culturais mais importantes do Brasil, o Festival Folclórico de Parintins, onde lançará seu remix de “Se Questa”, um hit local da cantora Márcia Novo. Para esta produção, May trouxe o ritmo e elementos típicos da sonoridade da região.

Mayanne Neves, a mulher por trás de projeto May Seven, começou sua carreira como uma jovem apresentadora de programa de rádio, e não demorou muito a se apaixonar por música eletrônica e decidir se entregar a esse mundo. Logo ela começou a tocar nos principais clubs, festas e shows de Manaus, ganhando status de referência e sendo bem requisitada. Acostumada a lidar com grandes públicos, May dividiu o palco com importantes nomes da cena eletrônica nacional e internacional como Alok, Vintage Culture, Eli Iwasa, Cat Dealers, Bob Sinclair e Sharam Jay, além de outros grandes artistas brasileiros como Ivete Sangalo, Gusttavo Lima e Maria Mendonça.

A DJ costuma em seus set transitar pelo Deep-House e House Music. Sua apresentação é impecável e muito energética, e como a boa ‘jockey’ que ela é sabe muito bem ler a pista para transmitir toda essa energia. Suas maiores inspirações são David Guetta, Calvin Harris, Hardwell, Fatboy Slim, Bob Sinclair e Alok, de quem ela não nega orgulho e admiração.

Alok, que será uma grande atração do Festival Folclórico de Parintins, e junto com May Seven vai comandar a presença da música eletrônica nesse que é o maior evento folclórico do mundo. O espetáculo de três dias tem em sua história a batalha dos bois Garantido, representado pela cor vermelha, e Caprichoso, simbolizado pela cor azul, e sempre ocorre no último final de semana de junho no Bumbódromo de Parintins.

“O Festival Folclórico de Parintins é uma das maiores expressões culturais do Brasil, e reúne gente do mundo todo em uma ilha no coração da Amazônia! O festival está em uma ascensão incrível, e ter alguém como o Alok participando- que arrasta multidões – vai ser muito bom para a divulgação da música eletrônica por aqui e dar um ‘up’ no espetáculo.” – May Seven.

Em sua apresentação, May irá tocar para o público pela primeira vez seu remix de “Se Questa” produção pensada especialmente para o evento. A música da também amazonense cantora Márcia Novo é ao estilo Beiradão, ritmo popular no estado. E elementos característicos do Amazonas é o que a produtora mais buscou transmitir nesse remix: ela tirou inspiração dos timbres locais, além dos tambores e flautas indígenas.

“Notei que esses elementos unidos aos beats da música eletrônica ficavam super alto astral, cai muito bem na pista, e o som ficou com uma identidade forte. Para mim, homenagear a Amazônia com a minha música, com o que mais amo fazer, não tem preço. É uma honra poder lançar o remix no festival de Parintins, e fazer parte desse momento é muito especial, ainda mais como uma artista da Amazônia” – May Seven.

Assim como sua música, May Seven é uma artista de muita personalidade, uma joia rara do melhor que o Brasil tem à oferecer. Ouça o remix de “Se Questa” abaixo! Confira também sua página no Spotify e fique ligado nesta DJ que com certeza irá nos surpreender cada vez mais.

Clique Aqui

%d blogueiros gostam disto: