A conceituada revista britânica DJ Mag é pioneira no segmento da música eletrônica e anualmente elabora dois rankings que movimentam a indústria mundial da música e do entretenimento. São eles o Top 100 Clubs e o Top 100 DJs.

Nesse sentido, para que a cena brasileira evolua e dê grandes passos dentro e fora do país, é interessante que nomes nacionais estejam presentes nesses charts para reafirmar a qualidade das produções brazucas. E se estamos falando de qualidade de experiência, estamos falando de Laroc Club.

A casa localizada em Valinhos, interior de São Paulo, comemorou recentemente quatro anos de existência, pelos quais passaram 231 DJs de 27 países diferentes em dezenas de aberturas. Num espaço que abriga cinco mil pessoas, o club foi concebido no conceito sunset – o primeiro do Brasil – com aberturas que possibilitam paisagens maravilhosas com o pôr do sol. Muitos nomes que figuram no Top 100 DJs já passaram pelo club, entre eles: Alesso,  Armin van Buuren, Axwell, Hardwell, Nervo, Nicky Romero, Sunnery James & Ryan Marciano, e mais.

O Grupo Laroc é considerado um polo do entretenimento no interior do estado, e conta com três clubs, dois voltados para a música eletrônica – Laroc Club e Ame Club – e um que abrange diversos gêneros – Folk Valley. As festas que rolam nos locais se assemelham com grandes festivais, numa atmosfera cercada de uma cenografia absurda, com um sound system de ótima qualidade, CO2, fogo e muito papel picado.

O Laroc Club estreou no Top 100 Clubs em 2017, após apenas dois anos de sua primeira abertura, ficando em 45º lugar. No ano seguinte, subiu diversas posições e ficou em 29º. Em 2019, conquistou o 25º lugar. Que tal deixar a casa mais próxima do primeiro lugar neste ano? A votação para o Top 100 Clubs 2020 está aberta e você pode registrar seu voto para o Laroc ser considerado o melhor club do mundo, ou inserir sua irmã gêmea Ame Club nesse ranking.  Ajude a fortalecer a cena brasileira globalmente. Clique aqui para votar!

Deixe um comentário

CAPTCHA
Change the CAPTCHA codeSpeak the CAPTCHA code