Hoje temos projeto alemão chamado Scooter, não é muito conhecido do grande público, tem um som bem diferente baseado em de Techno e Hard Techno de antigamente (ou melhor conhecido como Happy Hardcore), hoje em dia já mudou bastante, passando pelo estilo de Jumpstyle e até House Music a princípio, são de Oriunda de Hamburgo. Já vendeu mais de 30 milhões de discos e ganhou 80 prêmios de ouro e platina, eles também são considerados a banda alemã mais bem sucedida com 20 hits no top 10 (acredito que seja na música eletrônica por lá).
Como seu som não é muito conhecido por aqui, conheço eles desde quando passaram para o seu 4º capitulo intitulando Michael Simon como novo integrante com o CD “The Ultimate Aural Orgasm” em 2007 contendo 2 singles o mais famoso sendo o “Behind The Cow” que teve participação do vocal do Fatman Scoop e clipe com participação do mesmo, mas estão em atividade desde o século passado com o CD “and the Beat Goes On!” de 1995 e um single lançado antes em 1994 chamado “Vallée de larmes”. Suas músicas tem referências de várias outras famosas meio como se fosse um “plágio” mas todas autorizadas para serem produzidas, em seu estilo personalizado incluem vocais falados ou que gritavam, multidões elementos corais e performances ao vivo, bem como um grande número de “Sampling”. estão em atividade até hoje e como sempre mudando os seus djs sempre, típico projeto que não para quieto sempre abrindo portas para novos nomes da cena trabalharem com HP Baxxter, o cabeça por trás do projeto/banda.
1º capítulo com Ferris Bueller:
Scooter – Hyper Hyper
Scooter – Move Your Ass!
2º capítulo com Axel Coon:
Scooter – We Are The Greatest
Scooter – How Much is The Fish?
Scooter – We Bring The Noise
3º capítulo com Jay Frog:
Scooter feat Marc Acardipane – Maria (I Like It Loud)
Scooter – Soultrain
Scooter – One (Always Hardcore)
Scooter – Shake That
Scooter – Jigga Jigga!
4º capítulo com Michael Simon:
Scooter feat Fatman Scoop – Behind The Cow
Scooter – The Shit That Killed Elvis
5ª capítulo: é o primeiro álbum do Scooter a não ter produção de Rick J. Jordan , após sua saída no início de 2014. Jordan foi substituído por Phil Speiser, aqui começa a ideia de Big Room em algumas produções.
Scooter and Vassy – Today
Scooter – Oi
Scooter – Bora Bora Bora
Scooter with JeBroer – My Gabber
6ª capítulo: Em abril de 2019, Scooter anunciou oficialmente seu novo membro Sebastian Schilde para substituir Phil Speiser. O novo álbum está programado para o verão de 2020 durante a “turnê The God Save The Rave”.
Scooter feat Finch Asozial – Bassdrum
Scooter – FCK2020

Uma parceria com a fan page Humor Eletrônico
https://www.facebook.com/humoreletronico
estaremos trazendo algumas curiosidades/historias dos principais artistas que fazem com que a cena da musica eletrônica cresça a cada ano que passa.

Deixe um comentário

CAPTCHA
Change the CAPTCHA codeSpeak the CAPTCHA code
 

Free website traffic